Cidadãos recenseados em S. Tomé e Príncipe

  • Voto por via postal

Os cidadãos que não optaram, até ao passado dia 1 de Agosto, por votar presencialmente, votarão por via postal.

Para esse efeito, os cidadãos receberão na morada indicada no respetivo cartão de cidadão a seguinte documentação, enviada pelo Ministério da Administração Interna:

a) Um boletim de voto;

b) Um envelope, de cor verde, destinado a receber o boletim de voto – não contém quaisquer indicações;

c) Um segundo envelope, branco e de tamanho maior, dentro do qual será inserido o envelope do boletim de voto, de franquia postal paga, tendo pré-inscritas as informações necessárias.

O envelope já se encontra pago pelas autoridades portuguesas, pelo que basta colocá-lo no correio.

A remessa do voto terá obrigatoriamente de ser feita antes do dia da eleição (06 de outubro), sob pena de o voto não ser considerado. Recomenda-se que o envio seja feito o mais cedo possível.

Pode consultar aqui as instruções de voto por via postal para os cidadãos portugueses recenseados no estrangeiro: https://www.sg.mai.gov.pt/AdministracaoEleitoral/EleicoesReferendos/AssembleiaRepublica/Documents/AR2019VE_Instrucoes.pdf

Pode também confirmar o local onde se encontra recenseado aqui: https://www.recenseamento.mai.gov.pt/  

  • Voto presencial

O voto presencial terá lugar nas instalações da Secção Consular da Embaixada de Portugal em S. Tomé, nos dias 5 e 6 de Outubro, entre as 08h00 e as 19h00. Para esse efeito, foi constituída mesa de 5 elementos, cujos membros constam de edital afixado na referida Secção Consular.

  • Partilhe