Por ocasião da eleição para a Assembleia da República, informa-se que poderão votar antecipadamente os cidadãos portugueses recenseados em território nacional deslocados no estrangeiro, que se encontrem nas seguintes situações:

  • Por inerência do exercício de funções públicas ou privadas;
  • Em representação oficial de seleção nacional, organizada por federação desportiva dotada de estatuto de utilidade pública desportiva;
  • Enquanto estudante, investigador, docente e bolseiro de investigação em instituição de ensino superior, unidade de investigação ou equiparada reconhecida pelo ministério competente;
  • Doente em tratamento;
  • Se vive ou acompanha os eleitores mencionados nos quatro pontos anteriores.

Para votar antecipadamente, os cidadãos nacionais que se encontrem deslocados no estrangeiro nas condições supramencionadas deverão deslocar-se à Secção Consular da Embaixada de Portugal em S. Tomé, entre os dias 24 e 26 de setembro, das 7h30 até às 16h00, munidos de cartão de cidadão, bilhete de identidade ou outro documento identificativo, como carta de condução ou passaporte, bem como comprovativo em como se encontram numa das situações elencadas acima.

Para mais informações sobre como votar antecipadamente, consulte a informação disponível no seguinte endereço:

https://www.sg.mai.gov.pt/AdministracaoEleitoral/EleicoesReferendos/AssembleiaRepublica/Documents/Voto%20Antecipado_Estrangeiro_vsite.pdf

  • Partilhe